Papa Francisco discursa sobre a crise climática e adverte que o tempo está se esgotando

O Papa Francisco abordou a atual crise climática durante uma cúpula com companhias multinacionais de petróleo, alertando que "o tempo está se esgotando".

 

O papa disse que a cúpula, intitulada Os Diálogos do Vaticano: A Transição de Energia e o Cuidado para o Lar Comum, está ocorrendo em um "momento crítico" - acrescentando que a mudança climática "ameaça o próprio futuro da família humana".

'Devemos agir'

Segundo o Vaticano News, o Papa disse: "Devemos agir de acordo, a fim de evitar a perpetuação de um ato brutal de injustiça contra os pobres e as futuras gerações".

"São os pobres que sofrem os piores impactos da crise climática."

O papa Francis levantou três pontos durante a cúpula: "uma transição justa para uma energia mais limpa, precificação de carbono e transparência na notificação do risco climático".

 

'Ainda há esperança'

O papa terminou a reunião afirmando: A crise climática exige nossa ação decisiva, aqui e agora, e a Igreja está totalmente comprometida em fazer sua parte.

"Ainda há esperança e resta tempo para evitar os piores impactos da mudança climática... desde que haja uma ação rápida e resoluta."

Comentários (0)

There are no comments posted here yet

Deixar seu comentário

  1. Posting comment as a guest. Sign up or login to your account.
Anexos (0 / 3)
Share Your Location

Mais Lidos